sexta-feira, 26 de agosto de 2016

FATOS REAIS




Tem coisas que eu queria Tão pertinho de mim
Sorrisos que desejaria De alegria poder abrir
Existe tantas conhecidências Assim como fatalidades
Amores intenções Sentimentos de verdade

Mas pra que o risco A lutar pelo querer
Esse mudo uma hora é de todos Depois só para os que conseguem vencer
Será que foi O pedido escutado
A carta entregue Com teu segredo revelado 

Paz é a precisão Do mundo para todos
Viver é a vida De quem luta pelos outros
A restos nesta terra Pesadíssimos para subir
O que resta para esses É infelizmente morá aqui

Autora:Adriana Andrade

                                                       http://www.recantodasletras.com.br/autores/drika1997