sexta-feira, 12 de agosto de 2016

SOBERBO MUNDÃO


Sutilezas não me compram 
Oh! Velhos rojão 
Vaidades não me encantam 
Soberbo mundão 

Precisarás de muito 
Para me possuir 
E amores desse mundo 
Não são suficiente para mim 

Mas fechada não estou 
Para simples propostas 
Negócio com o homem 
Que em breve volta 

Autora:Priscila Afonso