quinta-feira, 6 de abril de 2017

TE ENTREGANDO MEU PRANTO

POESIA TE ENTREGANDO MEU PRANTO

TE ENTREGANDO MEU PRANTO

A QUEM PODERIA ME DERRAMAR,
EM TRISTE CONFIANÇA.
COM UMA TRISTE CONFISSÃO,
RELATAR DOLOROSAS LEMBRANÇAS?

NÃO HÁ NO MUNDO QUEM EU QUERO,
NEM QUEM EU PRECISO.
POR ISSO HÁ TEMPOS CRIEI MEU MUNDO,
FORMULEI MEU NINHO.

MÃE VOCÊ É ASSIM PARA MIM,
LENÇO QUE ME CONSOLA.
ROCHA QUE DEIXA EU HABITAR,
E FAZER MORADIA.

NA VIDA ÉS RAINHA,
NA MINHA ÉS POESIA.
MEU PRANTO HOJE TER ENTREGO,
TE PEÇO:_SEJA HOJE MEU LENÇO.

AUTORA: ADRIANA ANDRADE

VISITE-ME: ADRIANA ANDRADE